Ir para o conteúdo

Notícias

Drones: tecnologia a serviço da agricultura de precisão

Na agricultura de precisão, uma das tecnologias mais promissoras sem dúvida são os veículos aéreos não tripulados (VANTs), comumente chamados de drones, que podem auxiliar o produtor nas mais diversas etapas do seu ciclo de produção, desde a análise e preparo do solo até a colheita da lavoura.

Com a utilização dos drones, por exemplo, é possível captar as medidas e a topografia do terreno a fim de gerar mapas 3D que mostram com precisão o exato local em que as amostras de solo deverão ser coletadas. Já na fase inicial do desenvolvimento da cultura, os drones são capazes de indicar as possíveis falhas de plantio, possibilitando uma maior agilidade no restabelecimento da população desejada de plantas.  Os drones, ao utilizar sensores espectrais ou térmicos, também são apropriados para mensurar a necessidade de se utilizar ou não a irrigação, promovendo uma melhor gestão dos recursos hídricos. Ainda na fase de desenvolvimento das culturas, estes vants, quando munidos de sensores de luz visível e infravermelho, não apenas permitem localizar focos de agentes biológicos (pragas e doenças), como também são altamente eficazes na aplicação localizada do defensivo sobre o alvo desejado, gerando uma grande economia na quantidade de produto utilizado em relação aos métodos tradicionais de pulverização.

Na verdade, os drones são capazes de acompanhar o desenvolvimento da lavoura do início ao fim, tendo em vista indicar possíveis problemas que possam estar ocorrendo e, em alguns casos, também são capazes de realizar intervenções com o objetivo de realizar as devidas correções.

Dentro da técnica da agricultura de precisão, que é complexa e estratégica, saber onde um problema está e conseguir corrigí-lo a tempo, pode ser decisivo para aumentar a eficiência da sua atividade, com a certeza de que os recursos estão sendo utilizados da melhor maneira possível.

Na área de seguros agrícolas, tais como os oferecidos pela BB Seguros, os drones podem ser utilizados para a comprovação de um incidente, permitindo uma avaliação pericial muito mais segura, rápida e precisa.

Voltar ao topo