Ir para o conteúdo

Notícias

Tecnologias ajudando a desenvolver a área de seguros rurais - Banner

Tecnologias ajudando a desenvolver a área de seguros rurais

O seguro rural, em especial o agrícola, tem peculiaridades que o diferenciam dos demais seguros. A principal delas é a ocorrência dos variados eventos climáticos no decorrer dos anos, que variam de região para região, transformando este no ramo de seguro mais sujeito a incertezas e, portanto, de precificação complexa.

Hoje, entretanto, uma transformação vem acontecendo na área de seguros rurais. A utilização de drones, de imagens de satélite, a telemetria e os recursos de localização geográfica estão gerando uma grande quantidade de informações que podem ser utilizadas pelas seguradoras não somente para uma melhor avaliação de riscos, mas também para possibilitar o desenvolvimento de novas soluções e serviços de seguros aos seus clientes.

Um exemplo deste tipo de aplicação é a utilização de drones para o mapeamento das áreas seguradas. O equipamento é capaz de sobrevoar muitos hectares, gerando mapas precisos das lavouras seguradas. Ainda mais útil se forem consideradas as regiões onde o acesso é difícil e há baixa disponibilidade de profissionais para efetuar o levantamento da área.

Por meio de tecnologias geoespaciais, a seguradora consegue acompanhar o andamento das culturas de interesse e antever prejuízos que possam comprometer a carteira agrícola. Com informações antecipadas de eventuais sinistros, a seguradora consegue dimensionar com maior antecedência e menor custo o contingente de peritos que realizarão a regulação de sinistro. Além disso, com o monitoramento é possível determinar com mais precisão os danos e identificar quais os fatores responsáveis por sua ocorrência.

De fato, estamos entrando em uma nova era onde as geotecnologias irão trazer informações muito mais precisas para que, tanto segurado quanto seguradora possam fazer melhores negócios com mais transparência e exatidão.

____________________________________________

Fontes:

Voltar ao topo